Sorrindo pra vida - 18/06/2013

Siga as orientações do Senhor

Mensagem do missionário Alexandre Oliveira, no programa ‘Sorrindo pra Vida’, da TV Canção Nova, desta terça-feira, dia 18 de junho de 2013.

Você também encontra o áudio completo do programa “Sorrindo pra Vida” na

Loja Canção Nova e também pelo telefone (12) 3186-2600.

Ao ir para a página do Podcast ‘Sorrindo pra Vida’, você encontrará o áudio dos programas anteriores. Abaixo de cada um deles, há uma seta; ao clicar nela, você conseguirá baixar o arquivo em MP3.

A Palavra meditada, hoje, está em São Marcos 1, 40-45.

“Ser cristão é mais do que receber uma graça, é viver sob as orientações de Deus e ouvir o que Ele diz”, ressalta Alexandre.
Foto: Wesley Almeida/Arquivo Fotos CN

Meus irmãos, nesta Palavra há um ensinamento muito profundo para nós. O leproso aproximou-se do Senhor, como muitos outros, pedindo a cura de sua doença e colocou-se de joelhos, suplicando: “Se queres, tu tens o poder de me purificar”.

Ele submete o seu sofrimento da lepra ao poder de Deus e Jesus. Cheio de compaixão, vendo a situação daquele homem, o Senhor estende Sua mão, toca-o e diz: “Eu quero, fique purificado.”

Imediatamente, a lepra desaparece e ele é purificado. Essa é a primeira parte da Palavra. O homem se aproxima com seu sofrimento e, humildemente, pede a Jesus a cura. A nossa reflexão poderia ter acabado nesse trecho, o que seria lindo, mas há uma segunda parte que diz: “Então, Jesus o mandou logo embora, ameaçando-o severamente: ‘Não conte nada para ninguém! Vá pedir ao sacerdote para examinar você; depois, ofereça pela sua purificação o sacrifício que Moisés ordenou para que seja um testemunho para eles’.”

Jesus teve compaixão, mas agora está irritado. Após a cura, Ele manda o leproso ir até o sacerdote para que este veja que as feridas estão curadas; depois, ordena que o leproso ofereça um sacrifício de gratidão e louvor a Deus para ser reintegrado novamente à sociedade, assim como manda a Lei de Moisés. Mas o homem estava tão animado por ser curado, que não fez nada do que Jesus lhe pediu. Saiu contando para todos que havia sido curado pelo Senhor. Depois disso, Jesus já não podia mais ir à cidade. Ele ficava fora, em lugares desertos e de toda parte as pessoas iam procurá-Lo.

De certa forma, esse leproso atrapalhou o ministério de Jesus, porque o Senhor já não podia mais fazer o que tinha de ser feito. O leproso experimentou o milagre de Deus, mas não fez o que havia combinado com Ele. Faltou-lhe discernimento para fazer o que Jesus pediu.

Essa reflexão é um alerta para nós. Ser cristão é mais do que receber uma graça, é viver sob as orientações de Deus e ouvir o que Ele diz, mesmo que não recebamos o Seu favor.

A nossa fé não pode ser fundamentada no socorro de Deus, porque, por mais que Ele ainda não tenha nos atendido, nós não podemos desistir e perder a fé no Pai. A nossa vida com o Senhor vai além, devemos fazer o que Ele nos pede.

Nós somos livres para aceitar ou não, mas, quando fazemos do nosso jeito, atrapalhamos os projetos que Deus tem para nossa vida e, em vez de caminharmos direto para a felicidade, penamos pelo caminho e demoramos a chegar, porque não colaboramos com o Pai.

O Catecismo da Igreja Católica fala, no número 1742, a respeito da graça e diz que, quanto mais dóceis nós formos aos impulsos do Espírito Santo, Ele mesmo vai nos dar segurança nas opressões, pois, com a nossa liberdade, estamos sendo dóceis à graça de Deus.

Hoje, o Espírito Santo quer lhe dar essa graça. O Senhor o convida, curado ou não, a fazer o combinado e pede que você siga as Suas orientações para que você seja feliz.

Vamos clamar o Espírito Santo sobre nós para que Ele nos leve a dar um testemunho segundo as orientações de Cristo. É isso que Ele espera de nós.

Alexandre Oliveira

Membro da Comunidade Canção Nova

Transcrição e adaptação: Débora Ferreira

Assista a uma parte do programa:

.: LEVE EVANGELIZAÇÃO PARA SUA CASA COM ESTE PROGRAMA

.: Receba reflexões do ‘Sorrindo pra Vida’ no celular

.: Confira outros programas ‘Sorrindo pra Vida’

.: Conheça o conteúdo da Canção Nova pelo iPhone.

↑ topo