Sorrindo pra vida - 14/08/2013

Jesus é o caminho da vida

Mensagem do missionário Márcio Mendes, no programa ‘Sorrindo pra Vida’, da TV Canção Nova, desta quarta-feira, dia 14 de agosto de 2013.

Você também encontra o áudio completo do programa “Sorrindo pra Vida” na

Loja Canção Nova e também pelo telefone (12) 3186-2600.

Ao ir para a página do Podcast ‘Sorrindo pra Vida’, você encontrará o áudio dos programas anteriores. Abaixo de cada um deles, há uma seta; ao clicar nela, você conseguirá baixar o arquivo em MP3.

A Palavra meditada, hoje, está em São Lucas 7, 11-17.

“Pelo dom do Espírito Santo, o Senhor nos dá coragem, força, fé e paciência para passarmos pelos momentos mais difíceis”, afirma Márcio.
Foto: Arquivo Fotos CN

Eram dois cortejos que estavam cheios de gente. De um lado, Jesus entrava pela porta da cidade e uma multidão O seguia para ouvir Sua Palavra com esperança de serem tocados e curados por Ele, esperança de uma vida nova. Coincidentemente, do outro lado, vinha da cidade o cortejo que levava um morto para ser enterrado.

Por que uma multidão acompanhava esse cortejo? Porque a situação era muito triste, uma mãe enterrava seu filho único. Ela era viúva e, agora, não tinha mais ninguém. Naquela época, uma mulher não tinha direito a nada.

Se ela fosse sozinha, tudo que um dia foi do seu marido como casa, bens materiais, terras, ficavam para o parente homem mais próximo. Se essa mulher tivesse um filho homem, era ele quem herdava tudo. Então, ela vivia uma situação muito triste, porque estava enterrando, junto com seu filho, todos os seus sonhos e as suas esperanças. Foi isso o que comoveu toda multidão.

Eram duas procissões: uma seguia Jesus e a outra o morto. Uns estavam atrás da vida, outros seguiam, lamentosamente, a morte. Nós podemos ver isso até nos dias de hoje. Quando uma pessoa se encontra com Deus, mesmo sabendo que um dia vai morrer, ela vive em função da vida. Agora, quando ela está longe d’Ele, vive em função da morte, fazendo tudo como se fosse o último dia, porque ela não sabe até quando vai viver. Quem não confia em Deus vive em função da morte.

De um lado a procissão da tristeza e da morte, do outro o cortejo da vida e da alegria. De repente, eles se encontram. Quando Jesus viu aquele povo que vinha abatido, seguindo aquela mãe despedaçada pela dor, encheu-se de compaixão e experimentou o sofrimento dela.

Ter compaixão é colocar-se no lugar de uma pessoa, tentar ajudá-la a resolver o problema e aliviar o seu sofrimento.

“Ao vê-la, o Senhor teve compaixão dela e lhe disse: ‘Não chore!’. Depois, aproximou-se, tocou no caixão e os que o carregavam pararam. Então, Jesus disse: ‘Jovem, eu lhe ordeno, levante-se!’. O morto sentou-se e começou a falar. E Jesus o entregou à sua mãe.”

Nós podemos chorar diante de Deus por causa de um sofrimento, pois isso ajuda a aliviar nosso coração, mas não há motivos para isso, porque o Senhor cura nossa dor. Quando nos colocamos na Sua presença, mesmo perante a dor mais absurda, Ele cura nosso coração e nos dá esperança para viver. Pelo dom do Espírito Santo, o Senhor nos dá coragem, força, fé e paciência para passarmos pelos momentos mais difíceis. E quando a nossa dor se encontra com Jesus, é Deus mesmo que nos visita. Daí, tudo se transforma.

Quando aquela mãe se encontrou com o Senhor, Ele teve compaixão dela e todo povo reconheceu que o próprio Deus veio visitá-la. A visita do Pai é uma graça e sempre promove a vida. Quando Ele visita alguém, tudo que é morte na vida dessa pessoa dá espaço ao Senhor.

Para que ninguém tivesse dúvida do poder de Jesus sobre a morte, Ele ordenou que o menino se levantasse e o entregou de novo à sua mãe. Deus não vem para tirar das nossas vidas aqueles que amamos; pelo contrário, Ele é quem garante que os nossos amores não estarão perdidos para sempre.

Se a pessoa for embora, é apenas uma pausa, porque a doença foi mais forte e a levou, mas não é para sempre. A morte não é o fim, apenas uma ponte que nos leva para o outro lado. Deus nos garante que o que foi vivido com a pessoa não vai se perder, mas continuará de um jeito muito melhor.

Se você sofre pela perda de alguém, não pense que Deus o abandonou ou se calou diante do seu sofrimento. Um dia, Ele mesmo virá para enxugar suas lágrimas e devolver essa pessoa a você, assim como fez com aquela mãe.

Tome posse dessa Palavra e confie em Deus, acredite que tudo vai melhorar. Hoje, o Senhor visita você para aliviar sua dor com a compaixão que só Ele sabe ter, para lhe dar coragem, esperança, força e paciência para vencer. E você vencerá. Confie em Deus.

Márcio Mendes

Membro da Comunidade Canção Nova

Transcrição e adaptação: Débora Ferreira

Assista a uma parte do programa:

.: LEVE EVANGELIZAÇÃO PARA SUA CASA COM ESTE PROGRAMA

.: Receba reflexões do ‘Sorrindo pra Vida’ no celular

.: Confira outros programas ‘Sorrindo pra Vida’

.: Conheça o conteúdo da Canção Nova pelo iPhone.