A mentira tem perna curta

A mentira tem perna curta

A pessoa começa mentindo uma vez, depois outra, e mais outra e, assim, vai até se enrolando cada vez mais nas próprias mentiras. A ponto de, muitas vezes, acreditar nelas ou, mais comumente, cair em descrédito generalizado. Afinal, quem compraria um carro de um mentiroso ou votaria nele? Por isso, nada mais verdadeiro do que aquele ditado: “A mentira tem perna curta”. Sem falar que o faltar com a verdade também revela outros defeitos graves da pessoa.

Nesta semana faça o propósito de não mentir.

Assista ao vídeo:

↑ topo